10 de out de 2011

MULHER DE APENADO FRETA MOTO-TÁXI PARA ENTRAR COM DROGA NO PRESÍDIO DE CATOLÉ DO ROCHA/PB E TERMINA PRESA

Mais uma tentativa de passar droga para dentro do Presídio Regional de Catolé do Rocha, foi registrada na tarde deste sábado (08). A jovem Cristina Silvestre da Silva, mulher de um apenado, contratou a pessoa de Erinaldo Gonçalves da Silva, vulgo, Lagartinha, 32 anos, residente na Rua José Cidalino de Almeida, Bairro Tancredo Neves, que presta serviço de moto-taxista na cidade, para levar uma sacola, contendo alimentos e produtos de higiene, para serem entregues ao seu companheiro no respectivo presídio. No ato da revista, os agentes penitenciários introduziram um arame dentro de uma embalagem de xampu para averiguar o conteúdo, quando detectaram a existência de substância entorpecente, cito maconha, embaladas em trouxinhas embrulhadas em plásticos, no interior do recipiente. Constatado a suspeita, a polícia entrou em diligência para conduzir o moto-taxista até a 8ª Delegacia de Policia Civil com o objetivo de prestar esclarecimentos a respeito do ocorrido. O moto-taxista, Erinaldo Gonçalves da Silva, contou as autoridades policiais, que se tratava de uma corrida normal, neste caso, contratada pela Cristina Silvestre, para levar a encomenda até o presídio, e que ele (o moto-taxi), não sabia em hipótese alguma da existência de entorpecente no interior do recipiente. A Polícia efetuou busca a infratora, conduzindo-a até a 8ª delegacia, quando a mesmaa confirmou que teria enviado a encomenda para o seu companheiro, o detendo conhecido por Alan Geilson. Após ouvir o depoimento do moto-taxista e de algumas testemunhas que constataram a inocência do mesmo, a polícia liberou o Senhor Erinaldo Gonçalves. A acusada Cristina Silvestre da Silva, ficou detida na 8ª Delegacia de Policial Civil, e posteriormente será transferida para o Presídio Feminino de Patos.

Sertão Informado.

0 comentários:

Postar um comentário