27 de set de 2011

DELEGADO CLASSIFICA SUPERLOTAÇÃO NA PLANTÃO ZONA SUL COMO "CAOS"

O diretor do Policiamento da Grande Natal (Dpgran), delegado Albérico Norberto, afirmou nesta manhã que não vislumbra uma solução para a superlotação na delegacia de Plantão da Zona Sul, onde 72 presos se encontram custodiados. "A situação que temos hoje é de caos", avaliou o gestor. A iminência da greve da Polícia Civil é mais um problema com o qual o delegado poderá se deparar. De antemão, Albérico já confidenciou que será difícil administrar o excedente de detentos caso a paralisação seja confirmada. Albérico Norberto também contou que o entendimento com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) não tem resultado nas vagas solicitadas. "É sempre aquela mesma conversa que Alcaçuz está sendo finalizada, que estão construindo cadeias públicas. A Sejuc se nega a disponibilizar as vagas", assinalou. Ele ainda exemplifica que o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pirangi possui a mesma estrutura física da Delegacia de Plantão da Zona Sul. No entanto, a Sejuc aceita que a unidade que está sob a responsabilidade dela receba um quantitativo aceitável de presos, ao passo que o prédio sob gestão da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), não. "Eles estão com a metade de presos que temos na Plantão", afirmou. O representante do Policiamento da Grande Natal mencionou que mesmo havendo no mandado de prisão a determinação que o preso seja levado para uma unidade prisional, ainda sim os diretores não estão cumprindo a decisão judicial. Ao ser questionado sobre o que poderia ser feito para resolver essa distorção que ele apresentava, Norberto disse que um dos caminhos poderia ser autuar judicialmente aqueles que permanecessem descumprindo o que está expresso na decisão da Justiça. A possibilidade de greve de agentes e escrivães foi descrita pelo delegado como um mergulho mais profundo no caos. "Serão procedimentos atrasados, assim como requisições do Ministério Público sem cumprimento, a população vai ser prejudicada porque as investigações também serão prejudicas", elencou ele algumas situações nas quais a parada pode impactar a atuação da polícia Judiciária. O delegado Albérico amanheceu hoje na Plantão a fim de coordenar uma revista no solário e cela da unidade da Civil. No local, foi encontrada uma serra artesanal que foi utilizada pelos presos na semana passada para romper parte da grade que dá acesso a parte externa do solário.

Sinpol realiza reunião hoje com servidores da Plantão Zona Sul

Está agendada para tarde de hoje uma assembléia com os policiais civis lotados na delegacia de Plantão da Zona Sul a fim de que sejam definidas medidas e ações para tentar contornar junto ao Governo e gestão da polícia Civil as questões referentes a manutenção de presos nas delegacias da instituição. Amanhã, está marcada para as 18h, na sede do sindicato, uma nova reunião com toda a categoria a fim de que seja votado o indicativo de greve de agentes e escrivães da polícia Civil.

Fonte: Tribuna do Norte.

0 comentários:

Postar um comentário